Quando decidimos visitar novamente a estação de esqui do Monte Ruapehu (pico mais alto da Ilha Norte da Nova Zelândia, vulcão ativo e sobre dois importantes parques nacionais, o Tongariro e o Whanganui), ampliamos a nossa busca por hospedagem para encontrar opções próximas e mais em conta. Acabamos fechando um hostel na cidade de Ohakune, que fica a cerca de 30 minutos de carro da estação de esqui.

Ohakune é uma cidadezinha pequena e charmosa, com hotéis, hostels, cafés, restaurantes e lojinhas para aluguel de equipamentos de neve e venda de pacotes para atividades turísticas da região (como por exemplo a famosa travessia do parque Tongariro, que foi até mostrada no Globo Repórter da Rede Globo, em 2015).

Centro da Cidade de Ohakune

A cidade é calma, mas mais agitada do que muitas pelas quais passamos na região.No centrinho, há também um escritório de informações turísticas. Quem conhece a Nova Zelândia sabe que “agito” e “balada” não combinam muito com o país.

Numa das estremidades, tem um playground para a criançada, com umas estranhas criaturas leguminosas (vimos uma grande cenoura da estrada). Uma parada bastante curiosa.

Como estávamos numa viagem mais econômica, nos hospedamos no simpático LKNZ Lodge. Simples, novo, limpo, charmosinho e ótimo preço! Possui algumas áreas comuns, como um bar com mesa de sinuca, sala de estar e cozinha comunitária (bem equipada e organizada). Os banheiros eram divididos, mas como o quarto em frente ao nosso estava desocupado, acabamos ficando com um banheiro exclusivo (dica: não esqueçam de levar toalhas).

LKNZ Lodge hostel em Ohakune

Apesar do charme, tínhamos pouquíssimo tempo e fomos logo para a montanha, não sem antes testar o melhor da cidade: a deliciosa The Chocolate Eclair Shop! Uma mistura de padaria, doceria e loja de conveniência com deliciosas opções de doces, incluindo as bombas – ou eclairs – que dão nome ao local. Irresistível!

Este ano, 2017, a cidade foi surpreendida pela maior nevasca de todos os tempos e deixou muitos turistas surpresos e também sem poder sair de lá.

Importante: não deixe de checar sempre como estão as estradas da região. Durante o inverno, por conta das nevascas, muitas delasfecham por causa da neve ou nevoeiro.

Antes de seguir viagem, fique de olho nas paisagens. Há uma bela surpresa no caminho entre Ohakune e Mt Ruapehu: a estrutura fantástica por onde passa o trem que liga Auckland a Wellington. Vale parar e fotografar!

Veja também: Guia Completo sobre a Nova Zelândia

Anúncios